Quarta-feira, 14 de Março de 2007

Lembra-te


LEMBRA-TE

 

Se em teu coração já desabrochou

Uma flor perfumada de amor

Lembra-te que alguém a plantou

Com muito carinho e fervor

 

Se sentires o coração angustiado

Partido, pelo sofrimento

Lembra-te que tens alguém a teu lado

Que te ama a cada momento

 

Quando teu rosto já não conter

As lágrimas que nele abundam

Lembra-te que alguém está a sofrer

Com essas lágrimas que te afundam

 

Se nas horas do teu sonhar

Encontrares solidão, somente

Lembra-te que alguém pode semear

Sonhos de amor em tua mente

 

Quando os teus segredos, meu bem

Já não couberem em teu peito

Lembra-te que existe alguém

Disposto a guardá-los em seu leito

 

Se sentires a brisa do vento que passa

Deslizando em teu rosto suavemente

Lembra-te que alguém te abraça

E te beija loucamente

 

 

Se o fogo da paixão escolheu

O teu coração para consumir

Lembra-te que alguém acendeu

Essa chama que estás a sentir

                                                               Autor: Hélio Costa


tags:
publicado por Soldourado54 às 22:12
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Lembra-te

. "Poeta doido"

. Quero

. Amizade

. Lembra-te de mim...

. HÁ UM TEMPO

. A minha lua

. Se eu um dia fosse vento....

. "Tu foste"

. "Hoje eu queria"

.arquivos

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds